Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > PROEX > Encerramento Expedição 2019
Início do conteúdo da página

Encerramento Expedição 2019

Equipes do Expedição IFSULDEMINAS encerram edição 2019 do programa com apresentação de atividades realizadas

Ações de Extensão atenderam cerca de 10 mil pessoas em 8 cidades mineiras

 

Clique aqui e conheça os projetos realizados por cada equipe!!

 

IMG 1838Na última quarta-feira, dia 14 de agosto, participantes da quarta edição do Programa Expedição IFSULDEMINAS se reuniram com a equipe da Pró-Reitoria de Extensão, no auditório do Campus Machado, para fazerem um balanço das ações executadas durante o programa. Estiveram presentes também demais servidores do IFSULDEMINAS; o pró-reitor de Extensão do Instituto, o professor Cleber Ávila Barbosa; a coordenadora-geral de Extensão do Campus Machado, Michelle da Silva Marques; e , como representante das prefeituras dos municípios atendidos, o diretor municipal de Meio Ambiente de São João da Mata, Thiago de Jesus Leal.

Realizado durante as férias escolares, entre os dias 14 e 20 de julho, em oito cidades mineiras (Cássia, Esmeraldas, Espírito Santo do Dourado, Poço Fundo, São Bento Abade, São João da Mata, Senador Amaral e Toledo), o Expedição IFSULDEMINAS contou com 120 pessoas, distribuídas em onze equipes participantes, que desenvolveram ações de acordo com as demandas de cada localidade, nas áreas de Cultura; Direitos Humanos e Justiça; Educação e Saúde; Comunicação, Tecnologia e Produção; e Meio Ambiente e Trabalho; sendo que as demandas nos campos da Saúde e do Direito foram ampliadas com a chegada de novos parceiros ao programa.

Neste ano, pela primeira vez, o Expedição IFSULDEMINAS contou com entidades parceiras, além das prefeituras dos municípios atendidos. Cerca de 20 estudantes de Medicina e de Direito de duas instituições privadas de educação superior de Pouso Alegre, a Universidade do Vale do Sapucaí e a Faculdade de Direito do Sul de Minas, integraram o programa, realizando ações de extensão nas comunidades visitadas. Além disso, o 14º Grupamento de Artilharia de Campanha do Exército, em Pouso Alegre, contribuiu com apoio logístico.

IMG 1660O pró-reitor de Extensão, representando o reitor Marcelo Bregagnoli, saudou os participantes e falou sobre a consolidação do programa, que finalizou seu quarto ano de ações. “Este é um momento de socialização para conhecer os trabalhos desenvolvidos pelas equipes em cada cidade. Quero informar que este trabalho é valorizado pelos gestores municipais que, quando me encontram, qualificam as atividades estudantis como sendo profissionais, sérias e diferenciadas. Hoje, o programa Expedição está consolidado e é referência para outras instituições. Conseguimos este feito por conta da dedicação, esforço e comprometimento de todos os envolvidos. Neste ano, com a chegada de novos parceiros, o trabalho do Expedição foi potencializado. Houve uma sinergia muito interessante entre equipes, instituições e comunidade”, pontuou Cleber.

O representante de São João da Mata aproveitou o evento para dar uma devolutiva sobre as ações realizadas no município. “Este foi o primeiro ano que tivemos o programa Expedição em nossa cidade. Esta proximidade entre instituição de ensino superior e comunidade foi muito interessante e benéfico. Recebemos um feedback muito positivo da população que já quer saber quando o Expedição irá voltar”, contou Thiago Leal.

pocosAlém de apresentarem um resumo das atividades, os alunos também tiveram oportunidade de relatarem suas experiências pessoais no Programa. Foi o caso da discente Cristiane Meira Lopes do Santos, do quarto período de Ciências Biológicas, que foi para Espírito Santo do Dourado e revelou como participar do Expedição mexeu com sua vida."É muito além de um programa, é um trabalho social muito bem feito, de extrema responsabilidade. Foi muito além do que uma troca de conhecimentos, foi uma troca de carinho, de afeto, uma troca de cultura e um choque de realidade. Cada abraço, cada sorriso foi esplêndido, maravilhoso, me cativou a querer, cada vez mais, crescer e estudar essa parte de mim, que eu não sabia que existia, que é exercer a Licenciatura, pois antes estava voltada para a Pesquisa. Essa vivência me deu uma vontade de querer, sim, dar aula. Mudou totalmente a minha cabeça, a minha visão de mundo, a minha visão de sociedade”.

 

Assista abaixo ao vídeo sobre o 4º Programa Expedição IFSULDEMINAS!

Texto e fotos: Ascom Reitoria/IFSULDEMINAS

Data: 16/08/2019

Fim do conteúdo da página