Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Obap: IF Tour

Tour apresenta Campus Barbacena do IF Sudeste MG aos orientadores das equipes da 7ª Obap

Confira as fotos no Flickr!

IMG 5068As provas teóricas e práticas e a troca de conhecimento entre estudantes e professores de instituições de todo o país são os aspectos centrais da Olimpíada Brasileira de Agropecuária (Obap). No entanto, há outro ponto importante: a interação com a sede das competições. Desde o ano passado, quando foi realizado no Campus Uberlândia do Instituto Federal do Triângulo Mineiro (IFTM), o evento vai além do IFSULDEMINAS. Na manhã deste sábado (2), participantes da sétima edição conheceram, por meio do projeto IF Tour, o Campus Barbacena do Instituto Federal do Sudeste de Minas Gerais (IF Sudeste MG), que recebe a Obap em 2017.

36797774636 e0c7245931 zEnquanto os estudantes faziam as provas teóricas da olimpíada, os professores que os acompanharam até Barbacena, divididos em grupos, visitaram três espaços: o Núcleo de Zootecnia, o Museu Diaulas Abreu e o Laboratório Interdisciplinar de Formação de Educadores, o Life (onde são desenvolvidos projetos de ensino, pesquisa e extensão relacionados à capacitação inicial e continuada de professores). Antes do tour, no Auditório I do campus, o idealizador da olimpíada e reitor do IFSULDEMINAS, professor Marcelo Bregagnoli, deu as boas-vindas aos professores, esclarecendo que não conseguiu chegar a Barbacena para a solenidade de abertura. A coordenadora técnica da Obap, Cássia Ribeiro de Paiva, também aproveitou o momento para orientar os professores sobre a competição.    

No Núcleo de Zootecnia, os docentes conheceram locais como a Avicultura, a Cunicultura, a Bovinocultura de Leite, a Caprinocultura e o Estábulo. Para a professora Kátia da Costa, do Centro de Educação Profissional de Aquidauana (Mato Grosso do Sul) Geraldo Afonso Garcia Ferreira, todos esses ambientes são fundamentais no processo de formação. "É uma estrutura que vem desde a Escola Agrotécnica, fundada em 1910, com uma grande diversidade de animais - gado de corte, Cunicultura, os búfalos, os equinos. É algo muito importante na capacitação do profissional para o mercado de trabalho", avaliou.

36588131990 51f9847e77 z"O nosso município (Aquidauana) fica na entrada do Pantanal", acrescentou Kátia, sobre a atuação de sua instituição, "e nossa área de foco é a Pecuária de Corte, mas trabalhamos também com a produção de leite, que é muito utilizada nos assentamentos, a Equinocultura, no trabalho de campo, a Agroecologia e a Fruticultura".

Logo após concluírem as provas teóricas da Obap, os estudantes Bruna Dalla Rosa, Gabriela Sychocki e Ricardo Henrique Niemeyer, do terceiro ano do curso técnico em Agropecuária integrado ao Ensino Médio do Campus Concórdia do Instituto Federal Catarinense (IFC), juntaram-se aos professores na visita ao Museu Diaulas Abreu. O espaço preserva a história centenária da Escola Agrotécnica, que antecedeu o Instituto Federal em Barbacena, reunindo um acervo que vai de antigos uniformes a réplicas de plantas e animais.

"Visitar o museu é importante até para a gente entender como tudo mudou, evoluiu a tecnologia aplicada na Agricultura", comentou Gabriela. Para Ricardo, é uma oportunidade para que os jovens percebam, a partir dessa evolução, como atualmente é mais simples estudar e trabalhar no segmento. Bruna ainda ressaltou que o museu é um recurso essencial para a compreensão da relevância histórica do ensino em Agropecuária para o Brasil.

IF Tour

36985515035 065bd47dc1 zEstudante do sexto período de Tecnologia em Gestão de Turismo no Campus Barbacena, Carlos Henrique Sales acompanhou o grupo até o Núcleo de Zootecnia. Ele explicou que o IF Tour é um projeto permanente da instituição, com o objetivo de apresentá-la, por exemplo, a estudantes de escolas da cidade e da região. "É importante para que as pessoas conheçam a escola e sua estrutura. As crianças, por exemplo, vêm aqui e têm um contato direto com os animais (no Núcleo de Zootecnia)", relatou.

*Com a colaboração dos alunos de Tecnologia em Gestão de Turismo Carlos Henrique Sales, Thaís Ribeiro (no Núcleo de Zootecnia), Karina Gonçalves e Andreza Siqueira (no Museu Diaulas Abreu).

Texto: Daniel Leite da Assessoria do IF Sudeste

Revisão: Ascom/IFSULDEMINAS - Reitoria

Data: 02/09/2017 

 

registrado em: ,
Fim do conteúdo da página