Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Encceja 2017

INEP divulga o edital para o Exame Nacional de Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja)

Inscrições podem ser realizadas até 18 de agosto 

Inscreva-se!

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) publicou no Diário Oficial da União desta terça-feira, 25, o edital do Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja), a ser aplicado em 22 de outubro*, em todas as unidades da federação. As inscrições são gratuitas e estarão abertas a partir das 10h de 7 de agosto, podendo ser feitas até as 23h59 (horário de Brasília) de 18 de agosto, por meio do endereço eletrônico: http://enccejanacional.inep.gov.br/encceja/#!/primeiroAces-so.

O Instituto Federal do Sul de Minas (IFSULDEMINAS) assinou convênio com o INEP para a certificação do Ensino Médio por meio do Encceja. Assim, jovens e adultos que não concluiram seus estudos em idade oportuna e que preencham os requisitos do edital poderão se inscrever para realizar a prova e posteriormente, solicitar a certificação do Ensino Médio em uma das unidades conveniadas, como o IFSULDEMINAS.  

O que é o Encceja

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) é um exame gratuito e de participação voluntária ofertado aos jovens e adultos residentes no Brasil e no Exterior que não tiveram oportunidade de concluir seus estudos em idade própria.

Constitui-se em um exame para aferir as competências, habilidades e saberes adquiridos no processo escolar ou nos processos formativos. Esses últimos incluem o desenvolvimento na vida familiar, na convivência humana, no trabalho, nos movimentos sociais e organizações da sociedade civil e nas manifestações culturais, entre outros.

A partir deste ano, com a publicação da Portaria nº 468 de 3 de abril de 2017, os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) não poderão ser utilizados para fins e certificação do Ensino Médio. Dessa forma, o Encceja passa a ser ofertado para participantes que desejam certificar-se no Ensino Médio e no Ensino Fundamental tanto no Brasil quanto no Exterior. O participante deverá optar pelo nível de Ensino que deseja obter o certificado no momento da inscrição.

Certificação e Declaração de Proficiência do Encceja

No Brasil e no exterior, o exame pode ser realizado para solicitar a certificação no nível de conclusão do Ensino Fundamental e do Ensino Médio. A prova é destinada ao público com no mínimo 15 (quinze) anos completos na data da prova para o Ensino Fundamental. Já para o Ensino Médio, os interessados podem solicitar a certificação desde que tenham no mínimo 18 (dezoito) anos completos na data da prova.

A emissão dos Documentos Certificadores (Certificado e Declaração de Proficiência) é responsabilidade das Secretarias Estaduais de Educação ou instituições conveniadas que firmaram com o Inep o Termo de Adesão ao Encceja Nacional, disponível no Anexo do Edital do Exame.

O participante poderá solicitar o aproveitamento dos resultados de uma ou mais áreas de conhecimento avaliadas em quaisquer edições anteriores do Encceja, do Encceja Exterior e do Enem, desde que estejam dentro dos critérios estabelecidos nos Editais.

Inscrições e Cronograma 

As inscrições poderão ser realizadas entre os dias 7 e 18 de agosto. Para se inscrever é preciso ter os números do CPF e do documento de identificação. O candidato também deve informar se precisa de algum atendimento; a certificação de conclusão do ensino que está buscando; as provas para as quais deseja a certificação (caso já tenha uma declaração de proficiência de alguma área) e a secretaria estadual de educação ou o instituto federal onde deseja solicitar o certificado de conclusão ou a declaração parcial de proficiência.

Encceja Nacional Data

Publicação do Edital

25 de julho

Inscrições:

7 a 18 de agosto

Provas

22 de outubro*

*Retificação publicada no Diário Oficial da União (clique e confira)

Provas

As provas serão realizadas em vários municípios de todo os estados. Confira aqui a lista completa! O exame tem quatro provas objetivas, com 30 questões de múltipla escolha, além de uma redação. Os resultados individuais podem ser usados para certificação ou obtenção da declaração parcial de proficiência.

a) Para o Ensino Fundamental

Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física e uma proposta de Redação;
Matemática;
Historia e Geografia;
Ciências Naturais.

b) Para o Ensino Médio 

Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e uma proposta de Redação;
Matemática e suas Tecnologias;
Ciências Humanas e suas Tecnologias;
Ciências da Natureza e suas Tecnologias.
As áreas do conhecimento foram estabelecidas a partir do currículo da Base Nacional Comum, de acordo com os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN's).

Aplicadas em dois turnos, obedecerão aos requisitos básicos da legislação em vigor para o Ensino Fundamental e Ensino Médio. 

Manhã

Abertura dos portões - 7h - Fechamento dos portões - 7h45

Provas

Das 08h às 12h

Ensino Fundamental

provas de Ciências Naturais e História e Geografia

Ensino Médio

provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Ciências Humanas e suas Tecnologias

   

Tarde

Abertura dos portões - 13h30 Fechamento dos portões - 14h15

Provas 

Das 14h30 às 19h30

Ensino Fundamental

provas de Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Artes, Educação Física e Redação; e Matemática.

Ensino Médio

provas de Linguagens e Códigos e suas Tecnologias e Redação; e Matemática e suas Tecnologias.

 Atendimentos

A política de inclusão do Inep prevê atendimento especializado para participantes que comprovarem as condições de autismo, baixa visão, cegueira, déficit de atenção, deficiência auditiva, deficiência física, deficiência intelectual (mental), discalculia, dislexia, surdocegueira, surdez, e visão monocular. Os recursos de acessibilidade oferecidos pelo Inep são auxílio para leitura, auxílio para transcrição, guia-intérprete para pessoa com surdocegueira, leitura labial, mobiliário acessível, prova com letra ampliada, prova com letra superampliada, prova em braile, sala de fácil acesso, tempo adicional e tradutor-intérprete de língua brasileira de sinais (libras).

O participante que necessitar de atendimento especializado e/ou específico deverá informar, na inscrição, a condição que motiva a solicitação de atendimento e qual auxílio ou o recurso de acessibilidade necessita, se for o caso. O candidato deve fazer upload de laudo médico com nome completo, diagnóstico com a descrição da condição que motivou a solicitação e o código correspondente a Classificação Internacional de Doença (CID 10), assinatura, o carimbo e a identificação do médico com o respectivo registro no Conselho Regional de Medicina (CRM). O laudo deve ser legível, estar salvo no formato PDF, PNG ou JPG e ter tamanho máximo de 2MB. Só serão aceitos documentos enviados durante o período de inscrições.

O candidato travesti ou transexual (pessoa que se identifica e quer ser reconhecida socialmente em consonância com sua identidade de gênero) que desejar atendimento pelo nome social poderá solicitá-lo somente entre 21 e 25 de agosto, na página do participante – onde também estarão disponíveis os resultados individuais.

Encceja PPL

O Inep publicará, posteriormente, outro edital do exame específico para adultos submetidos a penas privativas de liberdade e adolescentes sob medidas socioeducativas que incluam privação de liberdade (Encceja PPL).

Acesse as Informações completas sobre o Encceja.

Texto: Ascom/IFSULDEMINAS - Reitoria com informações do Portal do INEP

Data: 25/07/2017

Última atualização em 08/08/2017

 

Fim do conteúdo da página