Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Aprovação no CEPE

 Versão final do PDI é aprovada pelo Colegiado de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE)

O documento será apresentado ao Conselho Superior na próxima reunião, dia 20/12

Clique e acesse a versão consolidada do PDI!

O Colegiado de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE) do Instituto Federal do Sul de Minas, apreciou a versão consolidada do Plano de Desenvolvimento Institucional (2019-2023) na última terça-feira, dia 04 de dezembro. O documento chegou ao órgão depois de ter sido discutido em nove audiências públicas abertas às comunidades interna e externa, realizadas em todas as unidades do IFSULDEMINAS nos meses de outubro e novembro. 

Agora, a versão final do Plano passará por aprovação do Conselho Superior da instituição, em reunião marcada para o dia 20 de dezembro. De acordo com o pró-reitor de Desenvolvimenro Institucional, essa etapa, marca, praticamente, a finalização dos trabalhos. Segundo o vice-coordenador da comissão central do PDI, Gustavo Vitor Fialho, as sugestões apontadas durante as audiências foram de complementação de conteúdo, adequação na redação e dados informados, nada que alterasse a estrutura do documento.

Confira como foram as audiências

As primeiras reuniões ocorreram, no dia 22 de outubro, nos campi avançados Carmo de Minas e Três Corações. Já no dia dia seguinte (23), a Reitoria recebeu a comissão do PDI para a apresentação do documento. Nessas ocasiões, além dos membros da comissão e de representantes de cada setor da Reitoria, também esteve presente o reitor do Instituto, professor Marcelo Bregagnoli. No dia 29, foi a vez do Campus Poços de Caldas reunir a comunidade para discutir o documento. Já no dia 30, a comissão do PDI esteve no Campus Inconfidentes. Nos dias 01, 05 e 06 de novembro, nos campi Pouso Alegre, Muzambinho e Passos foram realizadas, respectivamente, as últimas reuniões.

 As audiências foram abertas aos servidores, alunos e comunidade para opinarem na versão preliminar do documento. Flávio Calheiros, pró-reitor de Desenvolvimento Institucional, apresentou a estruturação do PDI, falou sobre os dados que subsidiaram a construção das metas e indicadores e também ressaltou a preocupação com o atendimento à legislação.

Para ele, não se trata de um mero documento que atende à orientação legal, mas de um planejamento feito a muitas mãos que orientará os rumos da instituição pelos próximos cinco anos. Flávio explicou que o documento anterior era bastante descritivo, o que atendia às exigências da época. No entanto, as determinações que orientam a construção do PDI mudaram e, por isso, a necessidade de adaptação às novas exigências que sinalizam para um documento que traga mais dados e que seja mensurável.

“Mas do que planejar, o Tribunal de Contas da União (TCU) e outros órgãos de controle querem saber se executamos, de fato, aquilo que planejamos. Outro aspecto fundamental desse planejamento é tirar o caráter pessoal das decisões, não prevalece a vontade do gestor, mas aquilo que foi debatido democraticamente com a comunidade. Pensar a gestão de forma democrática é fortalecer esse tipo de documento, assim como nossos órgãos colegiados, que se constituem como uma “ossatura” material da nossa gestão”, disse.

 

Texto: Ascom/Reitoria IFSULDEMINAS
06/12/2018

registrado em: ,

Ouça a Federal FM 

 

Fim do conteúdo da página