Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Início do conteúdo da página

Visita do IFES

Instituto Federal do Espírito Santo realiza visita ao campus Machado em busca de parcerias com Polo Emprapii.


DSC 0235O IFSULDEMINAS - Campus Machado recebeu na última quinta-feira, diretores e professores do Instituto Federal do Espírito Santo. O foco principal da visita foi a apresentação do Polo Embrappi IFSULDEMINAS e o interesse em fomentar parcerias entre os dois Institutos por meio do polo de inovação.

O diretor geral, Carlos Henrique Rodrigues Reinato, juntamente com a Pró-Reitora de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação, Sindynara Ferreira, além de membros da equipe de direção e do Polo puderam apresentar e demonstrar as ações e a estrutura da unidade.

Segundo a professora Dulcimara Carvalho Nannetti, parcerias geram mais oportunidades de negociações com as empresas. “Elas vêm para somar. A possibilidade de utilizar as infraestruturas que cada Instituto possui, assim como seus profissionais, pode agregar valor e gerar mais desenvolvimento as duas instituições e ao polo”.

Para a Pró-Reitora de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação, Sindynara Ferreira, parcerias entre os IFs possibilitaria a troca de expertises voltadas para a área de café, já que o Espírito Santo é, também, uma região voltada ao cultivo do grão.

Aloísio Carnielli, diretor geral do campus Venda Nova e presidente do Fórum de Diretores Gerais, espera que o polo possa trabalhar ações em outras áreas, aproveitando, por exemplo, projetos já desenvolvidos pelo IFES. Isso porque a instituição, além do café arábica, possui trabalhos voltados aos cafés robustos, o que seria um diferencial.

Já Luciano Toledo, Pró-reitor de Desenvolvimento Institucional e professor do campus Santa Teresa, acredita que a ação dos polos de inovação vai se tornar mais efetiva a medida que os Institutos Federais constituírem ações em redes. “O modelo da Embrapii não é favorável a essa formação e nós queremos criar ações concretas para provar que a atuação em rede é mais eficaz que o modelo isolado”.

Recepção IFES

 

Texto: Jacssane Andrade
Revisão: Camilo Barbosa
Fotos: Diêgo Souza e Polo Embrapii

Fim do conteúdo da página