Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > PROEX > Balanço: Gestão do PNAE
Início do conteúdo da página

Balanço: Gestão do PNAE

Mais de 190 servidores de 31 instituições federais concluem capacitação promovida pelo IFSULDEMINAS

O Instituto Federal do Sul de Minas Gerais, por meio da Pró-Reitoria de Extensão, concluiu a capacitação em Gestão do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e do Programa Aquisição de Alimentos (PAA) na modalidade Compra Institucional. Ao todo, 195 servidores de 31 instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica participaram do curso ofertado para profissionais dos setores de Compras, Alimentação, Assistência ao Educando e Extensão de todas as regiões do país.

A capacitação foi realizada em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) e o Ministério da Educação (MEC), na modalidade de Ensino a Distância (EaD), com carga horária de 90 horas e duração de dois meses e meio. Devido ao sucesso do projeto piloto, existe grande possibilidade de ampliação. Dividido em cinco unidades, com apostilas em ambiente virtual e monitoramento de sete professores e 12 tutores, a atividade teve como objetivo melhorar o desenvolvimento de ações dos dois programas, contribuir para melhorar a eficiência na gestão dos recursos do PNAE e o entendimento sobre a execução do PAA.

A servidora do IFSULDEMINAS e coordenadora do projeto, Aloísia Rodrigues Hirata avaliou positivamente o projeto, que trouxe grandes avanços no entendimento dos aspectos conceituais, legais e práticos sobre a temática. "As discussões provocaram muita reflexão sobre o papel dos IFs em relação à alimentação escolar, enquanto um direito do estudante, além do entendimento de que comprar alimentos da agricultura familiar é mais do que obrigação, mas uma oportunidade de contribuir com o desenvolvimento sustentável da região, proporcionando alimentação mais saudável para os nossos estudantes. Nesse sentido, a Extensão pode ser um grande diferencial para a implantação do PNAE".

Simone Barros do Amaral, Gerente de Administração do IFG - Campus Cidade de Goiás, comentou a importância do curso para as aquisições do futuro restaurante da unidade. "Ainda não temos restaurante, mas já existe o planejamento para 2017 e por isso, os conhecimentos adquiridos contribuirão para acertar e agilizar as aqusições da agricultura familiar".

O pró-reitor de Extensão, professor Cleber Ávila Barbosa destacou a abrangência da iniciativa que alcançou um grande número de instituições da Rede Federal. "Nossa equipe trabalhou muito, a qualidade e zelo com o curso foram percebidos e elogiados por todos os participantes, tenho plena certeza de que essa ação fará diferença nas regiões e nos âmbitos dos IFs de todo o país. A partir do curso, as instituições participantes terão maior clareza e segurança na operacionalização do PNAE e os agricultores e alunos serão os maiores beneficiados".

Sobre a capacitação

A capacitação contemplou quatro turmas no nordeste, três no norte, duas no centro oeste, duas no sudeste e uma no sul com e 30 estudantes cada. Teve duração de 90 horas. Os alunos receberam o material didático. Após as leituras, foram realizados fóruns e discussões no ambiente on-line. Diversos temas foram trabalhados durante o curso, como: “A alimentação escolar enquanto direito do estudante e dever do estado”, “O Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE)”; “Atribuições do nutricionista e responsabilidade técnica”; “A educação alimentar e nutricional”; “Procedimentos iniciais para aquisição de alimentos”; “Programa de Aquisição de Alimentos Institucional”; entre outros. Ao final, os servidores que atingirem 60% de aproveitamento receberão certificados pelo Instituto Federal do Sul de Minas.

 

Texto: Ascom/IFSULDEMINAS - Reitoria
Data: 04/05/2016

Fim do conteúdo da página